quinta-feira, 12 de março de 2015

Confira os cinco melhores filmes do diretor espanhol Pedro Almodóvar para o CineBlissEK


O cineasta espanhol Pedro Almodóvar é reconhecido mundialmente pelos seus filmes melodramáticos capazes de emocionar qualquer tipo de público, suas histórias geralmente trabalha com temáticas universais tais como doação de órgãos, vida vegetativa, fama, pedofilia e claro crises familiares, que são temas de entendimento para qualquer tipo de cultura.

Suas tramas na maioria das vezes aborda o universo feminino com seus dilemas e dificuldades e traz a mulher como personagem principal. Também trabalha com questões do homossexualismo, religião, identidade e sexualidade.

Outro elemento marcante nas obras cinematográficas de Almodóvar são as cores fortes e vibrantes, principalmente o vermelho, que passa a ideia do desejo e da paixão e traz uma intensidade para cada cena. O cineasta tem o cuidado de criar roteiros estruturados, histórias repletas de acontecimentos e personagens profundos.

Para homenagear esse ganhador de duas estatuetas do Oscar por Melhor Filme Estrangeiro em 2000 por Tudo sobre minha mãe e Melhor Roteiro Original em 2002 por Fale com ela, o CineBlissEK decidiu selecionar os cinco melhores filmes do diretor espanhol Pedro Almodóvar que a cada nova obra cinematográfica conquista mais fãs ao redor do mundo.


Tudo sobre minha mãe
(Todo sobre mi madre), 1999

Uma mãe em luto pela perda do filho, decide voltar a Barcelona para corrigir alguns erros do passado. Nessa jornada ela conhece pessoas que necessitam de sua ajuda e também tem histórias trágicas com as dela.



Fale com ela
(Hable con ella), 2002

Dois homens com histórias pessoais completamente diferentes se cruzam em um hospital devido ao coma de duas mulheres. O enfermeiro apaixonado por sua paciente dedicando todo seu tempo para cuidar e falar com ela e o jornalista que não consegue falar ou interagir com sua namorada recentemente em estado de coma. O laço de amizade criado por esses homens resulta em uma ajuda mútua e transformadora.



A pele que habito
(La piel que habito), 2011

Um dos poucos filmes de Almodóvar com protagonista masculino narra a história de um cirurgião plástico em tentar criar uma pele perfeita. Para isso ele utiliza de um ser humano como cobaia para seus testes. Mas essa cobaia tem sua história pessoal e planos de fuga. 
Uma obra cinematográfica repleta de reviravoltas, suspense, horror e tensão.



Volver
(Volver), 2006

Uma família de mulheres tendo que retornar as suas origens para enfrentar erros do passado. Uma mãe supostamente morta que volta para acertar o passado com a filha, assim como a última necessita enterrar o marido morto. 
Um melodrama tipicamente de Almodóvar totalmente voltado para a temática do feminino. 



Mulheres a beira de um ataque de nervos 
(Mujeres al borde de um ataque de nervios), 1988

O primeiro longa do diretor com repercussão mundial, narra a história de uma mulher que ao ser abandonada pelo amante decide alugar seu apartamento. Mas antes de alugar ela precisa entrar em contato com o amante e fazer as malas dele, contudo algumas visitas ao apartamento trazem distrações para ela dificultando seus planos.
Uma comédia que beira ao ridículo e por isso mesmo proporciona várias risadas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário