quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Em comemoração ao Dia dos Pais o CineBlissEK sugere 10 filmes para assistir em companhia da figura paterna


A criança independente da nacionalidade, religião ou idade tem na figura materna e paterna a base para se introduzirem na sociedade e o porto seguro para retornarem em qualquer estágio da vida. No mês de agosto comemora-se no Brasil o Dia dos Pais, homens que buscam estar ao lado de seus filhos pro que der e vier, fazem do possível ao impossível para ajudá-los e mesmo em momentos complicados eles dão uma bronca, ao mesmo tempo que olham com afeto e transmitem a mensagem de: "É para seu bem".

Para celebrar esse dia tão importante para os Homens que assumem seus filhos com todo amor e procuram ser mitologicamente o pai-herói, o CineBlissEK faz uma seleção de dez filmes que descrevem esse afeto paterno e principalmente a jornada de muita coragem que cada um empenha para proporcionar um mundo melhor aos seus descendentes. Confira a lista e delicie-se assistindo ao lado de seus papais.


O paizão (Big daddy)
Direção: Dennis Dugan, 1999
Elenco: Adam Sandler, Jon Stewart


Por mero acaso da vida, Sonny Koufax (Adam Sandler) um homem de seus trinta e poucos anos que ainda se comporta como um garotão, decide adotar um menino para impressionar a ex-namorada. No entanto com seu jeito de não assumir responsabilidades, ele precisa convencer familiares e amigos da sua capacidade de educar a criança, tomar conta dela e principalmente ser um bom pai.


Os descendentes (The Descendants)
Direção: Alexander Payne, 2011
Elenco: George Clooney,


Após o acidente trágico de sua esposa, Matt King (George Clooney) vê-se na obrigação de aproximar-se de suas duas filhas. Com essa união ele começa a avaliar seu passado, conhecer melhor a sua própria família, ganhar forças para desapegar de um terreno herdado e principalmente ser um pai presente. 


Procurando Nemo (Finding Nemo)
Direção: Andrew Stanton, Lee Unkrich, 2003
Elenco: Albert Brooks, Alexander Gould


Nas profundezas do mar existe o peixe palhaço pai Marlin (Albert Brooks) enfrentado todos os desafios possíveis e impossíveis para encontrar novamente seu filho Nemo (Alexander Gould) que se separaram em uma grande barreira de coral. Marlin em seu jornada na busca por seu filho não tem a mínima ideia de como irá revê-lo, mas acredita na união dos dois novamente. Já Nemo por outro lado acaba indo parar em um aquário de um dentista, com a sensação de culpa por ter brigado com seu pai na última vez em que estiveram juntos. 


A vida é bela (La vita è bela)
Direção: Roberto Benigni, 1997
Elenco: Roberto Benigni, 


Em pleno campo de concentração nazista, Guido (Roberto Benigni) um pai judeu, resolve criar um meio divertido para seu filho Josué (Giorgio Cantarini) não deparar com a dura realidade da guerra. Ele inventa uma história para o menino de que estão participando de uma gincana, como prêmio da competição ganha-se um tanque de guerra. A maneira como ele narra o episódio cruel da guerra de forma lúdica conduz o garoto para um mundo contrário a violência do real.


Uma babá quase perfeita (Mrs. Doubtfire)
Direção: Chris Columbus, 1993
Elenco: Robin Williams, Sally Field, Pierce Brosman, 


Após o divórcio complicado, Daniel Hillard (Robin Williams) perde a guarda dos filhos. Para tentar suprir a falta deles, ele decide se transformar em uma senhora e aplicar para o emprego de babá em sua ex-casa. Com a conquista do trabalho ele consegue estar presente com seus filhos ao mesmo tempo que cria situações hilárias estando vestido de mulher.


À procura da felicidade (The pursuit of happyness)
Direção: Gabriele Muccino, 2006
Elenco: Will Smith, Jaden Smith


Um pai sozinho Christopher Gardner (Will Smith) tem que cuidar de seu pequeno filho enfrentando dificuldades financeiras. Para conseguir dar uma vida melhor ao garoto ele precisa arrumar um trabalho, estar presente na educação do menino e lidar com questões pessoais.


Kramer vs Kramer (Kramer vs Kramer)
Direção: Robert Benton, 1979
Elenco: Dustin Hoffman, Meryl Streep


Após um dia cansativo no trabalho o publicitário Ted Kramer (Dustin Hoffman) chega em casa e depara-se com a esposa Joanna Kramer (Meryl Streep) abandonando o lar e deixando a ele a responsabilidade de cuidar do pequeno filho. De inesperado Ted vê-se tomando conta do menino, cuidando da casa e trabalhando. Com essa nova tarefa Ted aproxima-se de seu próprio filho e tornar-se um pai presente, porém não por muito tempo, pois Joanna resolve entrar na justiça para ter a guarda legal da criança. 


Um dia dois pais (Father's day)
Direção: Ivan Reitman, 1997
Elenco: Billy Crystal, Robin Williams, Nastassja Kinski


Quando o jovem de 17 anos foge de casa, a mãe Collette Andrews (Nastassja Kinski) decide contactar dois homens que supostamente um deles pode ser o pai do rapaz. Jack Lawrence (Billy Crystal) e Dale Putley (Robin Williams) são duas pessoas completamente diferentes que deixam as desavenças de lado para unir na missão de encontrar o rapaz.  


Uma lição de amor (I'm Sam)
Direção: Jessie Nelson, 2001
Elenco: Sean Penn, Michelle Pfeiffer, Dakota Fanning


Lucy ( Dakota Fanning) aos seus setes anos conquista uma inteligência maior que seu pai Sam (Sean Penn) pois este sofre de uma deficiência mental. Essa constatação faz com que uma assistente social decida colocar a menina em um orfanato. Sam com medo de perder a filha consegue na ajuda da advogada Rita (Michelle Pfeiffer) uma chance de ter direitos legais para cuidar de Lucy.


Três solteirões e um bebê (Three men and a baby)
Direção: Leonard Nimoy, 1987
Elenco: Tom Selleck, Steve Guttenberg, Ted Danson


Três solteirões de Nova Iorque têm suas rotinas completamente mudada quando encontram em sua porta um bebê. Peter Mitchell (Tom Selleck), Michael Kellam (Steve Guttenberg) e Jack Holden (Ted Danson) dividem o mesmo apartamento, no cesto onde o bebê é achado há um bilhete dizendo que Jack é o pai, porém a tarefa paterna acaba se tornando responsabilidade de todos e ao mesmo tempo abre espaço no coração desses homens para amarem uma mulher. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário